Blog


Meio Ambiente: onde estamos errando?

Poluição , queimadas, desmatamento... Morte! Isso nos leva a nos perguntar: onde estamos errando em nossa relação com o meio ambiente? Algumas respostas você encontra a seguir.

Meio Ambiente: onde estamos errando?

Aquecimento Global

O aquecimento global se agrava com a aumento do efeito estufa – crescimento da concentração de gases na atmosfera, que retém o calor. Para se ter uma ideia, a concentração de CO2 cresceu 40% desde a Revolução Industrial, sendo o maior índice em 800 mil anos. Apesar de aumentos de temperatura serem comuns na história, o que torna a situação mais preocupante é que eles têm ocorrido de forma contínua, ou seja, ano após ano. O aumento da temperatura média também leva ao aumento do nível do mar – que foi de 20 cm entre 1901 e 2010, o que pode ocasionar inundações. E tem mais: o aumento da temperatura também é responsável pelo derretimento das calotas polares e pelo aumento de fenômenos extremos, como secas e cheias.

Extinção

O desrespeito do homem com outras espécies fez com que a caça virasse um esporte, uma forma de se divertir. Durante anos, o homem caçou animais sem qualquer controle, o que causou a extinção de diversas espécies. Soma-se a isso o desequilíbrio ecológico causado pelas transformações humanas no meio ambiente, o que acabou com espécies vegetais também. Calcula-se que entre 1976 e 2006, 784 espécies de animais e de vegetais foram extintas e esse número continua aumentando, o que contribui para o desequilíbrio no planeta.

Desmatamento

Segundo estudos da ONU, 80% da biodiversidade do planeta depende das florestas. Além de alterar a paisagem natural, o desmatamento contribui para a extinção de espécies e aumento do efeito estufa, já que as árvores são responsáveis por filtrar o gás carbônico do ar. Elas também são necessárias para evitar a erosão do solo e desmoronamentos, principalmente em áreas de encostas, pois ajudam a sustentar o terreno, além de serem lar para centenas de espécies diferentes, que equilibram o meio ambiente. No Brasil, esse problema é imenso, porque 60% do território total é área florestal. Nosso país só fica atrás da Rússia nesse quesito. Felizmente, os esforços de preservação das florestas estão obtendo resultados, pois estamos vendo a redução do desmatamento, mas muito ainda precisa ser feito.

Esgotamento de recursos naturais

Muitas das fontes de matéria prima não são infinitas, como o petróleo, usado para fazer combustíveis utilizados na maioria dos transportes, além de plástico e outros materiais. O homem explora os recursos naturais como se não houvesse amanhã. Tudo isso na busca de aumentar a produção e assim ganhar mais dinheiro. Além de corrermos o risco de ficarmos sem esses recursos, há também os problemas que envolvem a forma como eles são explorados, como a erosão do solo e a destruição do meio ambiente.

Poluição

Nunca se consumiu tanto como hoje: as necessidades criadas pelo homem são tantas que as pessoas estão sempre em busca de produtos novos. O problema é que os objetos que ficam velhos e são descartados vão se acumulando, gerando poluição. Estima-se que o plástico comum demore entre 100 a 500 anos para se degradar e, enquanto ele permanece na natureza, acaba se tornando alimento dos animais, ocasionando lesões e a morte deles. Sem o tratamento adequado do lixo, o ambiente fica cada vez mais poluído, o que pode ameaçar toda a espécie humana.

Agora que você já sabe algumas das principais ameaças ao meio ambiente e os perigos disso para o futuro, faça a sua parte e tenha hábitos mais sustentáveis e saudáveis. Ensine àqueles que estão ao seu redor sobre esses problemas e sobre a importância de que se conscientizem. Afinal, nós somos os responsáveis por manter a ordem no local onde moramos.

5 votos

ENEM estuda.com é um sistema para estudantes que desejam ingressar em um curso de nível superior. Resolva questões através do computador, tablet ou celular.vestibular,enem,questoes,estudar,alunos,simulados,questões enem,simulados enem,simulados vestibular,vestibular,provas,provas enem