Blog

Quando e como usar conectivos para redação?

Tirar nota máxima na redação do Enem - Exame Nacional do Ensino Médio - é o sonho de todo mundo, né? Quem tem papel muito importante na questão da coesão são os conectivos. Já ouviu falar? Então vem entender melhor sobre isso e como os conectivos devem ser usados para a criação de um texto fantástico e fácil de interpretar!

Quando e como usar conectivos para redação?

Tirar nota máxima na redação do Enem - Exame Nacional do Ensino Médio - é o sonho de todo mundo, né? Para isso, uma das grandes aliadas é a coesão! Manter a redação com uma boa coesão, é fundamental para que se tenha um texto bem claro e compreensível. Quem tem papel muito importante na questão da coesão são os conectivos. Já ouviu falar? Então vem entender melhor sobre isso e como os conectivos devem ser usados para a criação de um texto fantástico e fácil de interpretar!

Coesão e Conectivos para Redação

Um texto coeso é aquele que apresenta um uso correto das articulações gramaticais e conectivos textuais, de modo que seja garantida a ligação harmoniosa entre as orações, frases, termos e parágrafos ao longo da redação.

Em geral, num texto em que as palavras conectivas foram usados corretamente, existe um melhor sequenciamento das ideias e lógica do que se pretende transmitir, sem falar que em textos denotados de uma boa coesão, a leitura flui naturalmente.

Na lista dos conectivos para redação, encontram-se os seguintes elementos: advérbios e locuções (aos poucos, antes, dessa maneira, aqui, etc.), pronomes (o qual, ele, ela, sua, aquele, este, etc.), preposições (com, a, de, para, etc.), conjunções (todavia, enquanto, embora, etc.) e palavras denotativas (apenas, senão, afinal, etc.).

Como usar conectivos em redação

Para que os elementos conectivos sejam usados corretamente por você, é necessário que conheça muito bem os tipos de elementos da coesão e a sua respectiva aplicação  Conheça, agora, os tipos de conectivos e quando eles devem ser usados:

- Conectivos de Relação Adversativa: como o próprio nome já pressupõe, este tipo de conectivos serve para indicar uma relação de contraste, e deve ser usado para tal.

Fazem parte dos conectivos de relação adversativa, encontram-se os seguintes elementos: Mas, porém, todavia, contudo, no entanto, entretanto.

- Conectivos de relação aditiva: estes elementos da coesão devem ser usados para unir duas orações idênticas ou termos, sendo que fazem parte deste grupo conectivos como o “E” e o “Nem”.

- Conectivos de relação conclusiva: devem ser empregados para expressar a ideia de conclusão, são eles: sendo assim, por conta disso, logo, pois, portanto, por isso, assim, por conseguinte. 

- Conectivos de relação alternativa: servem para indicar a ideia de mudança. No grupo dos conectivos que expressão a relação alternativa podem ser achados os seguintes elementos: seja... seja, quer... quer, ou... ou, ora... ora.

- Conectivos de relação explicativa: devem ser empregados no texto para indicar a ideia de explicação. São conectivos de explicação: pois, que, porque.

- Conectivos de relação concessiva: estes conectivos para redação normalmente são utilizados para indicar a apresentação de uma ressalva, são eles: apesar de que, mesmo que, ainda que, embora, por mais que.

- Conectivos de relação causal:  são usados no texto para expressar a relação de causa e efeito, são eles: visto que, pois, porque, por isso que, já que, uma vez.

- Conectivos de relação condicional: devem ser usados para indicar uma condição indispensável para a realização de um fato. Conectivos: desde que, a não ser que, contando que, se, caso, desde que, dado que.

- Conectivos de relação final: unem duas orações, indicando a finalidade do que foi dito na oração principal. Os conectivos deste grupo são os seguintes: com a intenção de, com o objetivo de, para que, a fim de que.

- Conectivos de relação consecutiva: indicam a consequência do que foi anteriormente afirmado. Conectivos:  de modo que, de forma que, tal que, de maneira que.

- Conectivos de relação temporal: esses elementos devem ser usados para indicar o tempo de desenvolvimento da ação que foi citada. São conectivos que indicam o tempo, os seguintes: todas as vezes que, ao mesmo tempo que, sempre que, até que, quando, cada vez que.

- Conectivos de relação comparativa: devem ser usados para fazer comparações, sendo que esses elementos da coesão são os seguintes: ao contrário de, já, da mesma forma que, diferentemente de. 

Conhecendo muito bem cada um dos tipos de conectivos para redação mencionados anteriormente, você será capaz de produzir textos que apresentam uma boa conexão entre as expressões, o que garantirá o sucesso na redação do Enem ou de outros vestibulares do Brasil. Gostou? Conta para a gente quais são os conectivos que você costuma utilizar mais! Não deixe de dar uma olhada nos outros artigos.

Fonte:
44 votos

ENEM estuda.com é um sistema para estudantes que desejam ingressar em um curso de nível superior. Resolva questões através do computador, tablet ou celular.vestibular,enem,questoes,estudar,alunos,simulados,questões enem,simulados enem,simulados vestibular,vestibular,provas,provas enem